Trabalho Reconhecido

Preparador físico da equipe Sub-20, Raphael Rocha é convocado para a Seleção Brasileira Sub-15

Atualizado em 12-07-2021 às 22:00

Os profissionais da #BaseForte alvinegra são o coração do, cada vez mais reconhecido, trabalho de formação de jogadores realizado pelo Botafogo. Em uma temporada positiva, a equipe Sub-20 já conquistou o vice-campeonato da Copa do Brasil e, atualmente, está invicta e presente no G4 do Campeonato Brasileiro. E, para coroar tal momento, o Clube recebeu a solicitação de convocação do Preparador Físico da equipe Sub-20, Raphael Rocha, para a Seleção Brasileira Sub-15.

O CRÉDITO DA FOTO É OBRIGATÓRIO: Vítor Silva/Botafogo

Formado em educação física pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e pós-graduando em Ciência da Performance Humana, o competente preparador recebe, pela segunda vez, a missão de representar o Glorioso na Seleção Brasileira, no segundo período preparatório para o Campeonato Sul-Americano Sub-15. O profissional se apresentou nesta segunda-feira (12/07) e demonstrou muita satisfação pela oportunidade recebida.

“Servir a Seleção Brasileira, para quem trabalha com o futebol, é o ápice. É a realização de um sonho. Todo profissional do futebol almeja ser convocado. Sou muito grato ao Botafogo por me dar a oportunidade de mostrar meu trabalho e poder colocar em prática todo o conhecimento que estamos adquirindo. Meu agradecimento vai, também, para o treinador da Seleção Sub-15, Dudu Patetuci, por confiar no meu trabalho e por vivenciar essa experiência fantástica que é vestir a camisa da seleção brasileira”, declarou Raphael.

Empolgado com o período enriquecedor, Rocha falou sobre a possibilidade de trocas de experiências com os profissionais convocados e sobre a chance de absorver ainda mais conhecimentos para aplicá-los no trabalho feito no Alvinegro.

“Quando somos convocados, temos a oportunidade de trabalhar com profissionais incríveis e que possuem experiências no meio do futebol. Com isso, procuro aprender ao máximo, observar, escutar, e assim, evoluir profissionalmente. Procuro continuar este processo de aprendizado para levar o que há de melhor e mais atual para a performance dos atletas no Botafogo”, disse.

Sem título

Após uma ótima campanha na Copa do Brasil, o Sub-20 de Raphael segue em um ritmo forte disputando o Carioca e o Brasileiro de forma concomitante. Para isso o preparo físico é um elemento fundamental para o bom desempenho dos atletas. Grato pela liberdade de desenvolver o seu trabalho, ele fez questão de dividir os méritos com todo o corpo de funcionários da base alvinegra.

"O mérito dessa convocação não é meu, e sim de toda a comissão técnica, staff e de todos que trabalham no clube. Todos nós fazemos parte de uma engrenagem e todos têm a sua importância. A nossa comissão é muito integrada e participativa. Se os atletas estão conseguindo performar da melhor maneira possível, isso é fruto de um trabalho coletivo. Agradeço a todos pelo empenho diário e por me darem as melhores condições para realizar as minhas tarefas", finalizou o preparador.

Luiza Caire

Os profissionais da #BaseForte alvinegra são o coração do, cada vez mais reconhecido, trabalho de formação de jogadores realizado pelo Botafogo. Em uma temporada positiva, a equipe Sub-20 já conquistou o vice-campeonato da Copa do Brasil e, atualmente, está invicta e presente no G4 do Campeonato Brasileiro. E, para coroar tal momento, o Clube recebeu a solicitação de convocação do Preparador Físico da equipe Sub-20, Raphael Rocha, para a Seleção Brasileira Sub-15.

O CRÉDITO DA FOTO É OBRIGATÓRIO: Vítor Silva/Botafogo

Formado em educação física pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e pós-graduando em Ciência da Performance Humana, o competente preparador recebe, pela segunda vez, a missão de representar o Glorioso na Seleção Brasileira, no segundo período preparatório para o Campeonato Sul-Americano Sub-15. O profissional se apresentou nesta segunda-feira (12/07) e demonstrou muita satisfação pela oportunidade recebida.

“Servir a Seleção Brasileira, para quem trabalha com o futebol, é o ápice. É a realização de um sonho. Todo profissional do futebol almeja ser convocado. Sou muito grato ao Botafogo por me dar a oportunidade de mostrar meu trabalho e poder colocar em prática todo o conhecimento que estamos adquirindo. Meu agradecimento vai, também, para o treinador da Seleção Sub-15, Dudu Patetuci, por confiar no meu trabalho e por vivenciar essa experiência fantástica que é vestir a camisa da seleção brasileira”, declarou Raphael.

Empolgado com o período enriquecedor, Rocha falou sobre a possibilidade de trocas de experiências com os profissionais convocados e sobre a chance de absorver ainda mais conhecimentos para aplicá-los no trabalho feito no Alvinegro.

“Quando somos convocados, temos a oportunidade de trabalhar com profissionais incríveis e que possuem experiências no meio do futebol. Com isso, procuro aprender ao máximo, observar, escutar, e assim, evoluir profissionalmente. Procuro continuar este processo de aprendizado para levar o que há de melhor e mais atual para a performance dos atletas no Botafogo”, disse.

Sem título

Após uma ótima campanha na Copa do Brasil, o Sub-20 de Raphael segue em um ritmo forte disputando o Carioca e o Brasileiro de forma concomitante. Para isso o preparo físico é um elemento fundamental para o bom desempenho dos atletas. Grato pela liberdade de desenvolver o seu trabalho, ele fez questão de dividir os méritos com todo o corpo de funcionários da base alvinegra.

"O mérito dessa convocação não é meu, e sim de toda a comissão técnica, staff e de todos que trabalham no clube. Todos nós fazemos parte de uma engrenagem e todos têm a sua importância. A nossa comissão é muito integrada e participativa. Se os atletas estão conseguindo performar da melhor maneira possível, isso é fruto de um trabalho coletivo. Agradeço a todos pelo empenho diário e por me darem as melhores condições para realizar as minhas tarefas", finalizou o preparador.

Luiza Caire


Norsk