notícia

Flamengo 84 x 73 Botafogo

Alvinegro tem bom início, luta até o fim, mas é superado no jogo desempate pela decisão do Estadual
Atualizado em 05-10-2019, 00:10

O Botafogo voltou a mostrar garra e poder de superação na noite desta sexta, no Tijuca, pelo Jogo 3 das finais do Estadual. Porém, o time alvinegro, que atuou com oito jogadores na rotação e perdeu Jackson no último quarto, foi superado por 83 a 74 pelo Flamengo.

A equipe do técnico Léo Figueiró fez um grande início de jogo, consistente na defesa e certeiro no ataque, chegando a abrir 10 pontos de vantagem contra o rival, mesmo número de Cauê Borges na etapa. O jogo foi paralisado nos últimos segundos do primeiro quarto, e, após o reinício, o Alvinegro fechou o placar em 26 a 19. O momento de maior dificuldade na noite para o Botafogo foi o segundo período, que terminou com o placar adverso em 44 a 40.

A terceira etapa foi marcada pela perseguição do Glorioso ao Flamengo, que tentava se distanciar no placar, mas não conseguia devido as boas ações ofensivas da equipe de General Severiano e a eficiência de Coelho, destaque botafoguense na etapa que terminou em 67 a 60 para os donos da casa. Sem desistir, o Fogão correu atrás da desvantagem e deixou o placar em diferença mínima a 4:30 do fim: 72 a 71. Neste momento, o time já tinha perdido o atleta Jackson, que teve um choque no garrafão adversário e precisou sair de quadra imobilizado. Mesmo com muita luta e entrega, o Alvinegro não conseguiu concretizar a virada e terminou atrás por 83 a 74.

O CRÉDITO DA FOTO É OBRIGATÓRIO: Vítor Silva/Botafogo


Depois de um Estadual de muita superação, o Botafogo muda o foco para a disputa da Liga Sul-Americana e do NBB, onde estreia dia 14, fora de casa, contra o Minas.

 

Walner Junior