notícia

Grata surpresa

Do Basquete 3x3 a indicação por prêmio individual no NBB 11, Diego se firma no Botafogo
Atualizado em 29-08-2019, 11:08

Contratado em dezembro pelo Botafogo, Diego Conceição fez valer a aposta na metade da temporada e fechou o NBB 11 como um dos indicados ao prêmio de Maior Evolução. O ala-pivô, que atuou pelo Caxias no NBB 9 e tem 32 anos, estava jogando Basquete 3x3 quando recebeu o convite de Léo Figueiró. Além do reconhecimento, o atleta encerrou a temporada com médias de 7 pontos, 5 rebotes e 19 minutos em quadra, sendo fundamental no histórico playoff alvinegro.

ADAPTAÇÃO

-  Foi muito rápida e surpreendente. Já conhecer o Ralfi, o Maique e o Jamaal me ajudou, mas o sistema, que proporcionava boas chances para todo mundo e deixava os atletas sempre em condições de chegar a cesta, foi determinante. Sempre gostei de jogar "livre", escolher as jogadas e sair um pouco da armação com início, meio e fim. Existem sim as possibilidades e as situações que treinamos para criar, mas a decisão final do passe, drible ou chute, cabe sempre ao jogador e os outros quatro seguem o plano na movimentação. Também precisei conversar bastante quando cheguei. Esporte coletivo é entrosamento, chegar no meio da temporada te deixa bem atrás, mas tive paciência e muita ajuda para me adaptar. Ralei muito, trabalhei durante todas as festas no fim do ano, mas o esforço foi recompensado.

DO 3X3 À INDICAÇÃO NO NBB 

- Sinceramente, eu não imaginava. Estava focado no 3X3, a temporada lá acabou e recebi o convite do Léo. Me empolguei com a possibilidade, mas também pensei no tempo curto que eu teria para me readaptar ao 5x5. A confiança na questão técnica existia, mas cheguei a imaginar que teria muita dificuldade pra ganhar entrosamento. Com paciência, todo suporte do Léo, da comissão e dos atletas, eu fui ganhando confiança e me sentindo parte do time, que acabou fazendo uma temporada excelente e me dando oportunidade de aparecer cada vez mais. Ser indicado ao prêmio de Maior Evolução aos 32 anos, onde concorri com o Didi, um jovem promissor que está na NBA, foi o reconhecimento de um trabalho bem feito e me deixou extremamente feliz. 

DIFERENÇAS E SEMELHANÇAS

- No 3x3 é muito volume e a bola passa na sua mão o tempo todo, já o basquete 5x5 não funciona assim com quem joga na minha posição. Pode acontecer de você ficar quatro ataques sem encostar na bola e esse ponto foi o mais difícil para eu me readaptar. Em contrapartida, acredito que a movimentação que eu estava acostumado a fazer no 3x3 casou muito bem com o sistema do Léo e foi crucial no meu entrosamento, posso dizer que eu vim no ritmo e fui ajustando a direção. 

MOMENTOS

-  Tiveram muitos! Fizemos jogos inteiros espetaculares, mas os momentos finais acabam ficando na memória da torcida e do time. As defesas contra o São José e Pinheiros, e as duas bolas de fora no Jogo 3 da semifinal contra o Flamengo, todos os lances no último período, foram momentos muito marcantes na minha temporada e na temporada do Botafogo. 

PRÉ-TEMPORADA

- Agora eu começo em igualdade, temos um ponto de partida único e isso vai fazer uma diferença enorme na parte física. Em questão de entrosamento, naturalmente estou dentro de uma base sólida que foi construída ano passado e ganhando com os recém-chegados. Posso dizer que estamos criando um pensamento coletivo, entendendo nossas preferências e aprimorando a filosofia de trabalho do Léo. Todos juntos! Vamos começar o Estadual sabendo o caminho que temos a percorrer como time para chegar no NBB e na Sul-Americana, as principais competições do ano, executando o nosso melhor jogo.

EXPECTATIVA

- Nossa cabeça está boa e o time confiante. Tivemos ótimos resultados ano passado, mas tenho certeza que todo mundo aqui está querendo mais. Quem acompanha de fora também pensa o mesmo sobre o Botafogo e tem a expectativa de nos ver ainda mais protagonistas. Temos jogadores em nível de Seleção Brasileira, que são os casos do Lucão, Cauê, Coelho e Arthur, e outros que estão buscando seu espaço através de títulos coletivos e individuais. Estamos cientes do que vamos enfrentar no NBB e na Liga Sul-Americana, mas o nosso objetivo é fazer uma temporada ainda melhor e conquistar títulos. Temos time para isso!

O Botafogo estreia na temporada 2019/20 neste domingo, às 15h, no La Salle, contra o Niterói, em partida válida pelo Campeonato Estadual. 

 

Walner Junior