notícia

Testado e aprovado

Cefat é elogiado e se torna referência de estrutura no Rio de Janeiro
Atualizado em 24-01-2015, 09:01

O Botafogo encerrou sua pré-temporada 2015 com a certeza de uma boa escolha no local da preparação. Palco de treinos e jogos da base alvinegra, o Cefat, localizado em Várzea das Moças, Niterói, também recebeu o elenco profissional do Glorioso e colecionou elogios de atletas, comissão técnica e diretoria.

Gerido por Vanessa Tristão e Marco Antonio Tristão, o CT atendeu perfeitamente as necessidades do Botafogo para uma boa preparação e se consolidou como um local de excelência em estrutura esportiva no Rio de Janeiro.

Proprietária do Cefat, a botafoguense Vanessa Tristão falou sobre o período que abriu as portas do CT para a pré-temporada alvinegra. Para a empresária, fazer parte da reestruturação do Botafogo é um passo importante e valioso.

- É um orgulho inenarrável. É uma grande satisfação que estamos sentindo com a presença do Botafogo aqui e, como botafoguense, poder ajudar, estar junto e saber que vamos colaborar de alguma forma para esse ano que vai ser vitorioso, disse Vanessa Tristão.

A relação do TROPS(Núcleo Oficial do Botafogo) com o clube é antiga e ao que tudo indica renderá ainda mais frutos no futuro. Vanessa Tristão estabeleceu um contato próximo com a base alvinegra, o que possibilita a ida de jovens talentos do TROPS para o Botafogo.

- Isso é o nosso principal foco aqui. Sou professora de Educação Física e o nosso ideal é formar jogadores. Acreditamos nisso e vamos trabalhando os meninos desde pequenos e aos poucos enviando para as categorias de base do Botafogo, que faz um belo trabalho com a gente. Ajudamos com o espaço para ver futuramente bastante meninos oriundos do Trops atuando no profissional do Botafogo - vislumbra a empresária.

Foco de elogios do elenco, comissão técnica, e diretoria, o Cefat foi aprovado com um espaço perfeito para a preparação e dinâmica do futebol profissional. Vanessa Tristão explicou a ideia inicial do projeto e apostou num CT de pouco luxo, mas de grande funcionalidade.

- Vivo no meio do futebol por causa do Núcleo Oficial e com os campeonatos que disputamos no exterior acabei visitando Cts de Real Madrid e Porto e vimos que não precisa de muito luxo. Você precisa de algo funcional e enxergamos que o Rio de Janeiro não tem isso e não tinha ninguém disposto a investir. O futebol carioca precisa muito e decidimos apostar, abrindo uma porta para os clubes e hoje temos uma estrutura que comporta um futebol profissional e de base - explicou.

Treino do Botafogo
Vanessa Tristão ao lado de Jefferson no último dia de treinos no Cefat (Foto: Vítor Silva/SSPress)

Comissão Técnica, atletas e diretoria elogiaram o Cefat


Durante a pré-temporada as boas impressões do Cefat foram externadas nas entrevistas dentro e fora de campo. O treinador René Simões, por exemplo, alertou a necessidade dos clubes de contar com um CT de qualidade como o visto em Várzea das Moças.

- Estamos num CT maravilhoso e nós do futebol carioca temos que acordar para isso. Se um indivíduo consegue fazer esse CT, porque um clube não consegue? O Sul já está fazendo e Minas Gerais tem centros bem montados também. Os clubes do Rio de Janeiro tem que acordar para isso - disse René, em entrevista coletiva.

Quem também elogiou o Cefat foi o goleiro Jefferson, que é morador de Niterói. No dia da sua reapresentação ao Botafogo, o camisa 1 do clube e da seleção brasileira destacou a boa impressão do grupo com o espaço.

- Eu estou em casa, moro em Niterói. Cheguei agora e estou vendo as boas instalações. O pessoal fala muito bem daqui, o Botafogo que vai fazer o ambiente e vamos sair prontos para os jogos - disse Jefferson.

Em visita ao CT, o presidente do Botafogo foi outro que reconheceu a boa estrutura. Em vídeo exclusivo para a TV do Fogão, Carlos Eduardo Pereira agradeceu pessoalmente ao empresário botafoguense Marco Antonio Tristão, um dos idealizadores e proprietários do espaço.

- É um prazer muito grande para o botafogo fazer a pré-temporada no Cefat e agradecemos demais ao Marco Antônio Tristão, que é um grande empresário botafoguense e também um grande amigo - externou o presidente.

O Cefat possui uma ligação interessante com o Botafogo! Confira o vídeo produzido pela TV do Fogão!



O CEFAT
Gerido por Vanessa Tristão, o CEFAT ocupa cerca de 80 mil m², possui 3 campos de futebol, sendo dois campos com as dimensões oficiais estabelecidas pela FIFA e um campo de aquecimento, além de uma infraestrutura cuidadosamente implantada para oferecer as melhores condições para preparação. Uma série de comodidades, como piscina, caixa de areia, arquibancada para mil pessoas, sala de imprensa, gerador de emergência, estacionamento privativo e para convidados, estão disponíveis no local.

O empreendimento localiza-se em uma zona urbana e boa parte do seu entorno constitui-se Área de Preservação Permanente do Parque Estadual da Serra da Tiririca. Este isolamento natural garante aos atletas o privilégio de um ambiente tranquilo e saudável.

Estrutura
- 2 campos oficiais (105m X 68m sendo 1 com grama "Esmeraldas" e o outro com grama "Bermudas Celebration")
- 1 campo reduzido, com grama "Bermudas Celebration"
- 6 vestiários
- Sala Multimedia
- Salão para Fisioterapia e/ou Musculação
- Piscina
- Area de Churrasqueira
- 17 Suítes climatizadas para até 4 pessoas.
- Area de Convivência de 280m2
- Cozinha Industrial
- Lavanderia
- Caixa de Areia
- Estacionamento
- Mezanino para filmagem no campo Principal
- Arquibancada coberta
- Bar para o Publico
- Banheiros para o Publico

Confira a galeria de fotos da estrutura do Cefat nas imagens de Vítor Silva/SSPress!



Marcos Silva