notícia

Classificação Emocionante

Em jogaço, Botafogo vence São Carlos por 4 a 3 e avança na Copinha
Atualizado em 10-01-2015, 21:15

A equipe Sub-20 do Botafogo está na próxima fase da Copa São Paulo de Juniores. Em uma partida de tirar o fôlego, o Glorioso derrotou o São Carlos por 4 a 3 e carimbou seu passaporte para a 2ª fase da competição. Paulo(2), Vinicius Tanque e Jhonson anotaram os gols alvinegros da partida.

Classificado como primeiro do grupo G, o Alvinegro enfrentará o seu xará Botafogo de Ribeirão Preto, que terminou como líder do grupo H.

O JOGO

Com a vitória do XV de Piracicaba sobre o Itabaiana mais cedo, a equipe alvinegra foi a campo precisando de uma vitória para garantir uma vaga na próxima fase da copinha. O São Carlos, praticamente eliminado, jogava sem ter nada a perder mas tinha o apoio da torcida por jogar em casa.

De baixo de chuva, a partida começou acelerada. Paulo, logo aos 3 minutos, deu seu cartão de visita e com muita velocidade fez boa boa jogada individual pelo meio, passou pelos marcadores mas na hora conclusão se desequilibrou facilitando a defesa do goleiro. O time da casa assustou aos 15 em um chute cruzado que passou sobre o gol de Saulo.

Usando o ataque direto para explorar a velocidade do atacante Paulo, o Botafogo chegou ao primeiro tento. aos 20, o atacante foi lançando, saiu cara a cara e bateu na saída do goleiro para fazer. 1 a 0! Porém, o São Carlos conseguiu empatar aos 25, após cobrança de falta na área, a bola sobrou para o atacante rival empatar o jogo. 1 a 1.

A partida se manteve sempre equilibrada e com chances para ambas as equipes. Aos 30, a equipe da casa teve a chance de virar mas o goleiro alvinegro Saulo trabalhou bem e salvou o gol com a ponta dos dedos. A noite era mesmo de Paulo, o jovem alvinegro recebeu bonito passe de Luiz Henrique em velocidade, aos 35, driblou o goleiro e fez seu segundo gol no jogo. 2 a 1, Fogão!

Na volta do intervalo, o ritmo do jogo seguiu acelerado. Logo aos 2 minutos, o Glorioso acertou a trave do rival após cruzamento de Erick e cabeçada firme de Paulo. Porém, em um lance de azar do zagueiro alvinegro Emerson, que encostou na bola sem querer em falta a favor do Botafogo, o atacante do São Carlos se aproveitou para roubar a bola e sair frente a frente com Saulo e empatar a partida. 2 a 2 no placar! (Na comemoração, o jogador que fez o gol foi expulso por subir no alambrado)

Os minutos iam se passando e a partida esquentava cada vez mais. Emerson teve uma boa oportunidade de cabeça e o São Carlos também assustou em uma cabeçada perigosa para fora. Aos 20, Vinicius Tanque acabou desperdiçando uma boa chance de marcar. Um pouco depois, aos 25, o árbitro assinalou pênalti para a equipe da casa que anotou o gol e pulou na frente do placar. 3 a 2 para o São Carlos.

Mesmo sofrendo o revés, o Glorioso não se abateu e no minuto seguinte empatou o confronto. Moraes cruzou na cabeça de Vinicius Tanque, que apenas resvalou na bola e a mandou para o fundo das redes. 3 a 3 no marcador.

A partir daí só deu Botafogo. Renan Gorne e Paulo criaram boas chances de marcar mas o gol da vitória saiu dos pés do meia Jhonson no finalzinho. O camisa número 17 recuperou a bola no campo de defesa, com um toque sutíl se livrou de um marcador no meio de campo e avançou em velocidade até chegar na frente do arqueiro e, com muita tranquilidade, fazer o gol da virada alvinegra. 4 a 3 Fogão e explosão de felicidade alvinegra!

Final de jogo. Uma partida de tirar o fôlego, um jogaço de bola, difícil e sofrida até o fim. O futebol ensina que são esses tipos de situações que mostram a força que uma equipe possui. Hoje, o Glorioso mostrou, que mais do que nunca, é forte e está vivo na copinha!

Botafogo: Saulo; Erick, Baiano, Emerson e Moraes; Dierson, Leandrinho (Vinicius Tanque), Rafael(Renan Gorne) e Mauro(Jhonson); Paulo e Luiz Henrique.
Suplentes: Gabriel, verdini, Arruda, Jhonson, Renan Gorne e Vinicius Tanque.
Técnico: Mauricio Ferreira

Fabio de Paula