notícia

Estrela Solidária no Santa Marta

Botafogo lança três projetos sociais na comunidade em parceria com o Inst. da Criança
Atualizado em 13-08-2014, 20h25

Muito mais do que um clube de futebol, o Botafogo costuma associar a sua marca como vetor em projetos sociais. Em parceria com o Instituto da Criança, o clube amplia as suas ações na comunidade do Santa Marta, iniciadas no ano passado, e lança o Estrela Solidária com três grandes projetos, que incluem apoio de diversas grandezas no Centro Esportivo, no Espaço Cidadão e no Spanta Neném. Com isso, promove o esporte e a cidadania a pessoas carentes. A Puma foi a responsável pelo financiamento dos projetos.

- Estamos orgulhosos e motivados com esses projetos no Santa Marta. Estamos em uma comunidade que tem história conosco. O Instituto da Criança faz um trabalho maravilhoso e, ajudar essa comunidade, vai trazer bons frutos para o Botafogo. Que esse projeto sirva de exemplo para os outros clubes usarem sua influência para melhorar a vida das pessoas. Tenho certeza de que iremos impactar positivamente os moradores da comunidade - afirmou o Vice-Presidente Social e de Comunicação Carlos Thiago Cesario Alvim.

O Centro Esportivo Santa Marta atende 250 crianças, jovens e adultos com aulas de Jiu-Jitsu, Boxe, Muay Thai e palestras. Entretanto, há graves problemas estruturais. O Spanta Nenem mobiliza de 100 crianças e adolescentes com aulas de cavaquinho, violão, percussão e flauta. Mas carece de instrumentos musicais e infraestrutura. O Espaço Cidadão, por sua vez, atende 70 adultos, com palestras que visam contribuir para o fortalecimento da cidadania. Porém, ainda há muito o que fazer.

Em todos os projetos, o Botafogo buscou as soluções necessárias e a expectativa é inaugurar, na semana que vem, o Centro Esportivo, com uma série de novidades que vai mudar a rotina das 250 crianças que praticam atividades no local.

- Esse é um momento marcante da história da parceria do Botafogo com o Instituto da Criança, quando damos início ao primeiro projeto em conjunto. O Instituto faz esse trabalho graças à participação de todos, com inúmeras pessoas envolvidas. Todos são bem-vindos, todos que tiverem vontade e interesse de promover ações que possam trazer o desenvolvimento social - explicou Pedro Werneck, presidente do Instituto da Criança.


Carlos Thiago Cesario Alvim e Pedro Werneck celebram a parceria entre Botafogo e Instituto da Criança

Assessoria de Imprensa