notícia

Comendo pelas beiradas

Titular contra o Criciúma, Daniel quer aproveitar chances para ajudar o Botafogo
Atualizado em 10-05-2014, 15:05

Daniel chegou ao Botafogo em 2013 ainda no time Sub-20, se destacou no título do Torneio OPG sobre o Flamengo e foi promovido ao elenco profissional. A partir de então, o jovem e promissor mineiro de Juiz de Fora iniciou sua caminhada no Glorioso. O meia, de 20 anos, atuou no Campeonato Carioca e tem com Vagner Mancini a vaga de titular no jogo ante o Criciúma, sábado, no Maracanã, válido pela 4ª rodada do Campeonato Brasileiro.

"Foi um início de ano que procurei aprender o máximo que eu pude. No início do Brasileirão venho tendo oportunidades e espero colocar em prática o que aprendi para ajudar o Botafogo nesta temporada", disse Daniel.

Ainda em fase de maturação no futebol, Daniel teve oportunidades com Eduardo Húngaro no Campeonato Carioca e foi o maior driblador da competição. Com um bom controle de bola e penetração na área do adversário que lhe deu destaque na base, o meia não esconde a vontade de marcar seu primeiro gol como profissional, mas diz que o momento é de pensar em fazer boas partidas e ajudar seus companheiros.

"Claro que é um sonho fazer um gol pela equipe profissional do Botafogo, mas tudo tem seu tempo. Agora quero me concentrar em fazer boas partidas, ter boas atuações, ajudar meus companheiros e assim o gol vai sair. Não tem pressão quanto a isso, sou tranquilo", comentou Daniel.

Com Vagner Mancini no comando Daniel estreou no Campeonato Brasileiro. No segundo tempo do empate em 2 a 2 diante do Internacional, o meia entrou no lugar de Jorge Wagner e teve boa atuação. Com a evolução nos treinos e a lesão de Lodeiro, Daniel será titular e espera ajudar o Botafogo a sair do Maracanã com a primeira vitória no Campeonato Brasileiro.

"Fico feliz com as oportunidades que tenho no grupo e com a chegada do Mancini continuei jogando. Agora é trabalhar, procurar aprender o máximo com ele e com todos os jogadores para ajudar dentro de campo", finalizou Daniel.

Marcos Silva