notícia

Pegada Libertadores

Com fome de gol, Roger projeta primeiro confronto contra o Grêmio por vaga na semifinal
Atualizado em 11-09-2017, 17:36

Artilheiro decisivo, principalmente nos clássicos, Roger balançou as redes três vezes nos últimos dois jogos e vive momento especial na carreira. Referência no ataque alvinegro, o camisa 9 será uma das armas de Jair Ventura para o primeiros jogo das quartas de final, contra o Grêmio, quarta-feira, no Estádio Nilton Santos. E o "Rajada" está motivado.

- Estou com saudade de marcar na Libertadores. Esses dois últimos jogos foram bem legais, consegui fazer os gols e com um bom rendimento. Esses resultados foram importantes para nós e estou pronto, alegre e confiante para colocar essa bola para dentro - disse Roger.

Roger também valorizou a entrega como uma das principais virtudes da equipe na temporada, principalmente na Copa Libertadores. Empenho que pode ser recompensado de forma grandiosa no fim do ano. O próximo passo é pelejar por uma vaga na semifinal.

- A identidade do Botafogo é de entrega, dedicação total. Cobro a todos para que treinem no seu limite, que assim vamos jogar o máximo também. Nossa equipe luta por todas as bolas e faremos de tudo para entrar nessa semifinal. O Botafogo merece essa classificação e o nosso torcedor pode ter certeza que verá uma equipe buscando muito essa vaga. Podemos enfrentar qualquer um de igual para igual - garantiu o camisa 9.

Confira os demais trechos da entrevista coletiva de Roger:

CLIMA DE LIBERTADORES

- Sinceramente a Libertadores é outra pegada. Com uma atmosfera diferente. Na semana do jogo o treinamento é diferente. Enfrentaremos outra grande equipe e não vejo vantagem por conta da instabilidade no momento do Grêmio. Não vejo uma fraqueza neles por isso. Sempre será um grande adversário.

RODRIGO PIMPÃO

- Acho que o Pimpão é a cara do Botafogo hoje. Um jogador que se entrega ao extremo. Muitas vezes ele deixa de ser um atacante para ser um marcador. É merecedor de tudo que está vivendo nesse ano, que treina no limite. É um cara de contrato renovado, que está mais leve. Pimpão está na briga pela artilharia da competição e que consiga.

RECUPERAÇÃO DE ATLETAS LESIONADOS

- Acho que isso é ótimo não só para o treinador, como para o grupo todo. O Jair ganha mais opções e todos estão preparados para estar à disposição dele. Esse é o momento em que temos  que estar fortes.

ESTILO BOTAFOGO

- Acho que todas as equipes utilizam o fator casa de forma importante. Mas também temos como fazer o nosso melhor jogo, que é contragolpear com excelência. O Grêmio é uma grande equipe, joga com a posse e aproximação, mas também gera espaços. Sabemos que precisamos vencer e faremos o jogo em casa agora.

Marcos Silva