notícia

Para agregar valor

Salgueiro é apresentado e prioriza o pensamento coletivo para ajudar o Botafogo
Atualizado em 26-02-2016, 20:05

Um meia experiente e com muita vontade de jogar. O uruguaio Juan Salgueiro, 32 anos, é mais um reforço apresentado no processo de reestruturação do Botafogo. O atleta chegou bem fisicamente após boas temporadas pelo Olimpia, do Paraguai, e já até estreou com a camisa alvinegra na vitória por 2 a 0 sobre o Fluminense. Animado e brincalhão, Salgueiro falou aos jornalistas da responsabilidade em vestir as cores do Glorioso.

- O Salgueiro já vinha treinando conosco faz tempo e já fez a sua estreia. É um jogador que todos já conhecem. Veio do Olimpia do Paraguai, um atleta de qualidade, extraordinário e tenho certeza que vai deixar muita saudade lá. Lamentaram muito sua saída pelo futebol que praticou lá. Vai deixar saudades - disse Antonio Lopes, Gerente de Futebol alvinegro.

- É um compromisso importante. Não é necessário estar em campo para saber da importância de jogar numa equipe como o Botafogo. Sei da responsabilidade e tenho que me preparar para estar sempre bem.

Confira os principais trechos da entrevista coletiva de Juan Salgueiro:

O TIME DO BOTAFOGO

- São grandes jogadores, uma boa equipe e com garotos com muito futuro. São seis vitórias na competição e queremos seguir crescendo como equipe. É trabalhar para que o resultado venha e que não sejamos individualistas, mas que joguemos pela equipe.

SEMANA DE CLÁSSICOS

- Sabia que está semana seria de dois clásicos. É importante enfrentá-los com seriedade para sairmos vitoriosos. Fizemos um grande jogo contra o Fluminense e espero que façamos um grande jogo contra o Vasco também.

SAÍDA RECONHECIDA DO OLIMPIA

- Joguei por três anos no Olimpia e criei um carinho pela torcida. Lamentei um pouco pelos companheiros. Mas agora estou aqui no Botafogo e tenho que trabalhar para fazer o melhor. É um passo importante estar atuando no futebol brasileiro pelo Botafogo.

SOMOS IGUAIS

- Não vejo diferença porque somos estrangeiros. Somos jogadores de futebol e todos me trataram bem aqui. Ser estrangeiro aqui não é problema . Trabalhamos para a mesma empresa.

PRIMEIRO O COLETIVO

- Trato de fazer o meu melhor. Sabemos que a equipe necessita estar na parte de cima e teremos bastante trabalho. Depois vejo o que posso fazer individualmente, mas primeiro está o pensamento do grupo.

À DISPOSIÇÃO

- Estou treinando e dando o meu máximo. Se tiver que jogar vou fazer o melhor. Meus companheiros que estão jogando estão fazendo muito bem e tenho que fazer o melhor para ajudar a equipe.

Confira as imagens da apresentação oficial de Salgueiro no Botafogo nas fotos de Vítor Silva/SSPress!

 

Marcos Silva