notícia

Resende 0 x 1 Botafogo

Luis Henrique marca, Fogão vai a 12 pontos e segue líder
Atualizado em 13-02-2016, 21h27

 

 

Doze pontos no Campeonato Carioca. Com alterações, o Botafogo venceu mais uma no Estadual, desta vez por 1 a 0 sobre o Resende, neste sábado, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. O gol alvinegro foi de Luis Henrique.

O próximo duelo é com a Cabofriense, no dia 21 (domingo).

O JOGO

No quarto jogo no Estadual, o Botafogo entrou em campo modificado. Joel Carli, Emerson Silva, Bruno Silva e Luis Henrique foram as novidades de um time que começou bem e saiu em vantagem.
 
Após tentativas de Carli de cabeça (goleiro pegou) e Rodrigo Lindoso da entrada da área (para fora), o gol veio com Luis Henrique. Aos 12, ele recebeu cruzamento de Luis Ricardo e se antecipou ao goleiro para abrir o placar, de cabeça.

O Botafogo voltou a ameaçar com Bruno Silva, em chute defendido por Arthur, e Gegê, bonita finalização de primeira, para fora. Contudo, o Resende saiu para o jogo e acertou a trave duas vezes. Primeiro aos 35, com Kim em uma bomba, que ainda voltou nas costas de Jefferson, rápido nos reflexos para evitar o gol. Depois, aos 46, com Robinho, em cobrança de falta.

Na etapa final, o Resende até começou assustando, com Robinho batendo para boa defesa de Jefferson. Mas o Botafogo logo controlou e passou a correr menos riscos. Aos 9, após cruzamento de Gegê, Emerson Silva cabeceou com perigo.

Aos 21, Luis Henrique recebeu na área, driblou o goleiro, mas forçou para tentar pênalti. O árbitro não marcou e deu cartão amarelo. Pouco depois, Gegê cobrou falta, a bola desviou na barreira e foi no travessão. O meia teve outra oportunidade, aos 35, bateu de direita, mas o goleiro se esticou para pegar.

O Resende não tinha forças para buscar o empate, uma vez que o Botafogo estava bem postado. O segundo gol quase saiu com Leandro no fim, mas ficou mesmo 1 a 0. Mais uma vitória na conta!

GALERIA DE FOTOS (Vitor Silva / SS Press / Botafogo)

 

BOTAFOGO: Jefferson, Luis Ricardo, Joel Carli, Emerson Silva e Diogo; Rodrigo Lindoso, Bruno Silva, Lizio (Lucas Zen), Gegê (Leandro), Gervasio Núñez; Luis Henrique (Ribamar). Técnico: Ricardo Gomes.

Danilo Santos