notícia

Ficou para a próxima

Ricardo Gomes destaca bom primeiro tempo da equipe em dia que a trave parou o acesso
Atualizado em 07-11-2015, 22:06

O Botafogo tentou e isso não se pode negar. A equipe de Ricardo Gomes começou com tudo dentro da casa do Criciúma, mandou bolas nas traves e perdeu. O futebol é assim e o Glorioso acabou sofrendo um gol de contra-ataque dos donos da casa. Revés que não tira a liderança do Alvinegro, que segue na ponta com 65 pontos, e apenas adia o acesso para a Séria A. A próxima chance será contra o Luverdense, terça-feira, em Lucas do Rio Verde.

- O Criciúma demostrou suas qualidades ofensivas com jogadores perigosos e movimentação. Mas sinceramente foi um bom jogo do Botafogo. Claro que com a derrota, mas foi bem jogado e com chances dos lados. Mesmo depois do gol do Criciúma criamos muitas oportunidades. Temos que assimilar e partir para a próxima - disse Ricardo Gomes.

Confira os principais trechos da entrevista coletiva do treinador alvinegro:

FALTOU SÓ O GOL

- Tivemos um bom domínio e fizemos tudo que pretendíamos fazer no primeiro tempo, só que a bola não entrou. Um segundo tempo diferente, mas após o gol do Criciúma voltamos a criar oportunidades. Mas era o dia não.

FALTA DE SORTE E GOL DECISIVO

- Foi um contra-ataque bem executado pelo Criciúma e não desatenção nossa. Foi um bom jogo e tivemos mais oportunidades que eles. Infelizmente perdemos o jogo.

NOVA CHANCE

- Temos que pensar no próximo jogo. Mesmo com a derrota o Botafogo jogou bem e se continuarmos assim não teremos sustos. Esse é o nosso padrão. Não foi perfeito porque nos primeiros vinte minutos do primeiro tempo nós tivemos dificuldades com a postura do Criciúma. Não tenho nenhuma preocupação.

TIME COMPETITIVO

- Eu não reclamo do meu elenco. É bom e eu tenho o Navarro, o Vinicius e o Luis Henrique, que está voltando da seleção. Temos um bom time em qualquer posição.

SEM ANSIEDADE

- Não foi o caso. O jogo foi bem jogado e o Criciúma voltou melhor no segundo tempo. Mereceu a vantagem e nós merecemos no começo e depois do gol deles. Acontece, é o futebol.

AUSÊNCIA DE JEFFERSON CONTRA O LUVERDENSE


- É uma pena por tudo que ele fez durante o campeonato. Merecia voltar com essa classificação.

O DIA DO "NÃO"

- O dia que não era para acontecer mesmo. Não é a primeira vez, mas é raro. Tivemos vários lances de perigo e a bola bate nas duas traves e não volta para o atacante... O que eu mais gostei apesar da derrota foi que fizemos o previsto e muito bem no primeiro tempo. Vamos trabalhar de novo para acabar com isso na próxima partida.

O Botafogo volta a treinar na manhã de domingo, às 08h30, no hotel em que está hospedado em Nova Veneza, Santa Catarina. A equipe segue amanhã mesmo para Lucas do Rio Verde, local do confronto contra o Luverdense na terça-feira.

Marcos Silva