notícia

Entre os primeiros

Em estreia de titulares, Sub-17 goleia Tigres por 5 a 0 e chega ao G4; Sub-15 também vence
Atualizado em 30-05-2015, 16:05

A manhã deste sábado foi de vitória em dose dupla para a base forte do Fogão. Pela oitava rodada da Taça GB, o Glorioso derrotou o Tigres em duas categorias. Jogando no estádio de Los Larios, a equipe Sub-17 alvinegra estreou a sua equipe titular na competição com goleada por 5 a 0 sobre a equipe da casa e chegou ao G4 com os gols de Luís Henrique, Amilcar, Jordan e Igor Cássio(2). Já a garotada do Sub-15 venceu o rival por 2 a 0 e se manteve entre os quatro primeiros. Pablo, por duas vezes, garantiu a vitória do time.

Na próxima quinta-feira(04/06), as equipes alvinegras voltam a campo para o clássico diante do Fluminense, com local ainda a ser definido. Provavelmente, o confronto acontecerá no CEAFT, em Várzea das Moças.

Focados no carioca, Equipe Sub-17 estreia titulares com goleada sobre o Tigres por 5 a 0 e vaga no G4

Após a campanha do vice-campeonato da Copa do Brasil, a equipe principal da categoria Sub-17 do Botafogo voltou toda a sua atenção para a Taça Guanabara e estreou com muita vontade de apagar o passado e construir um novo futuro. Um dos destaques do time, o atacante Luís Henrique vestiu a camisa 9 alvinegra pela última vez, antes de se apresentar à seleção brasileira juntamente com Matheus Fernandes, já na próxima segunda.

Com força máxima e com a motivação lá no alto, não demorou muito para o Alvinegro ir para cima e inaugurar o marcador. Aos 4 minutos, o artilheiro alvinegro Luís Henrique já deixou sua marca e um até logo para a galera. O camisa 9 recebeu lançamento, ficou cara a cara com o goleiro e com muita frieza, concluiu com êxito. 1 a 0 para o Fogão!

Aos 15, Amilcar fez um belo gol e aumentou a vantagem do time botafoguense. O meia acertou um lindo chute de fora da área no ângulo e fez 2 a 0 no placar. Também de longe, Rickson arriscou aos 20, mas a passou a esquerda do gol do Tigres.

Mostrando muita eficiência no momento da conclusão, o Botafogo logo tratou de fazer o terceiro. Aos 26, Jordan fez boa jogada apoiada pela esquerda, invadiu a área e soltou a bomba, sem chances para o goleirão rival. 0 a 3 BOTAFOGO. No fim da primeira etapa, o time da casa ainda teve uma chance que parou na defesa de Diego. Rickson, de cabeça, após falta centrada na área por mateus Jorge também quase marcou.

No segundo tempo, o time da casa voltou mais forte e quase descontou aos 16 minutos, mas Diego novamente trabalhou bem e salvou o Botafogo. O jogo foi ficando tenso e com muitas faltas, a equipe do Tigres chegava duro nos atletas alvinegros, que perderam a paciência e também perderam um homem em campo por expulsão.

Porém, mesmo desvantagem numérica, a equipe comandada por Felipe Conceição se manteve equilibrada e conseguiu marcar mais dois tentos com uma carta na manga vinda do banco de reservas. Igor Cássio substituiu Luís Henrique á altura e anotou os dois gols finais, aproveitando as assistências de Lucas César e Wenderson, respectivamente.

Fim de partida. "Estreia" pra lá de animadora com uma boa apresentação, três pontos ganhos fora de casa e um lugar entre os quatro melhores da competição. Nada melhor do que um dia após o outro!

Botafogo: Diego; Lucas César, Luca, Zyan e Jordan; Matheus Fernandes(Ion), Rickson(Marlon), Fernando(Wenderson) e Mateus Jorge(Ezequiel); Amilcar e Luis Henrique(Igor Cássio). Técnico: Felipe Conceição.

Com dois de Pablo, Sub-15 bate Tigres por 2 a 0 e segue no G4 da Taça Guanabara

Buscando uma consolidação ainda maior na parte de cima da tabela, a garotada Sub-15 do Botafogo iniciou a partida com muita segurança e buscando os espaços dados pelo adversário. Aos 7, Gláuber achou uma brecha e fez um lindo lançamento longo para Pablo, que apareceu por trás da zaga e venceu o goleiro para abrir o placar. 1 a 0 para o Alvinegro!

Um novo lance de perigo só apareceu aos 21 com Barbosa, O atacante arriscou de longe, a bola quicou, mas o arqueiro rival defendeu bem. Após cobrança de escanteio, Nhayson, aos 25, quase fez de cabeça, mas o goleiro foi buscar bonito no cantinho. A partida esfriou um pouco e seguiu assim até o fim do primeiro tempo.

Na volta do vestiário, a equipe mostrou que atendeu bem às orientações passadas pelo comandante Phelipe Leal no intervalo. Pois, logo aos 11 minutos, saiu o segundo tento alvinegro. Nhayson fez boa jogada e levantou a bola para Pablo na pequena área. O atacante dominou, girou e bateu firme para aumentar. Tigres 0 a 2 BOTAFOGO!

Antes do término do jogo, Glauber e Michel ainda tiveram uma oportunidade cada, mas as finalizações foram sem sucesso.

Tudo terminado. Mais uma boa vitória para a meninada do Fogão que vai se consolidando entre os primeiro colocados rumo a qualificação para as fases finais da competição.

Botafogo: André Juan; Nhayson(Michel), Glauber, Pimenta(Bonvini) e Rufino, Gustavo, Mateus Soares(João Pedro), Elivélton e Rhuan(Pedrinho); Barbosa e Pablo(Amaral). Técnico: Phelipe Leal.

Fabio de Paula