notícia

Nas semifinais

Com hat-trick de Luis Henrique, Sub-17 elimina Flu e avança na Copa do Brasil
Atualizado em 22-04-2015, 00:04

Para encerrar com chave de ouro a série de 3 confrontos decisivos seguidos em 3 categorias diferentes entre Botafogo e Fluminense, a equipe Sub-17 do Glorioso eliminou, nesta terça-feira, o tricolor da Copa do Brasil, ao empatar em 4 a 4 com o rival no Estádio Nilton Santos. Como no 1º jogo, o resultado foi 3 a 1 para o alvinegro, o time avançou às semifinais. Luís Henrique foi o destaque da partida anotando três gols e se tornando o artilheiro isolado da competição com incríveis 9 gols em 6 partidas. Rickson marcou o outro tento alvinegro.

Com esse resultado, o Fogão fez a trinca eliminando o time das Laranjeiras na Copa do Brasil Sub-17, na Taça Guanabara Sub-20 e no Campeonato Carioca Profissional.

Primeiro time confirmado nas semifinais, o Sub-17 alvinegro agora espera o vencedor do confronto entre Cruzeiro e América-MG. O jogo da volta acontece amanhã, às 16h. Na primeira partida, o Coelho mineiro venceu por 2 a 0.

O JOGO

Mesmo sabendo da boa vantagem que havia adquirido no primeiro embate, o Botafogo veio a campo ciente do que deveria ser feito. Manter o futebol vistoso e eficiente apresentado durante toda a competição era o objetivo. Em contrapartida, o Fluminense tinha a convicção que era necessário mostrar mais para sair com a classificação do Nilton Santos.

A bola rolou e os dois times mostraram muita disposição na luta pela posse de bola. Os minutos iniciais foram bastante movimentados e apesar de muitas ações ofensivas de ambos os lados, nenhuma chance levou perigo efetivo. A primeira oportunidade real veio apenas aos 17, quando Rodrigo foi lançado por Rickson. O atacante ia dominar sozinho, quando o goleiro tricolor saiu do gol, chegou atrasado e derrubou o jovem alvinegro fora da área. Como era o último homem, o arqueiro tricolor foi para o chuveiro mais cedo.

Na falta, Lucas César exigiu que o goleiro reserva, que ainda estava frio na partida, a se esticar todo e buscar no ângulo. Aos 21, Matheus Fernandes arriscou de longe, mas a bola passou sobre o gol. Luis Henrique também quase marcou em um chute cruzado aos 32. Porém, foi aos 36 que primeiro gol do artilheiro saiu. Ion, em um bonito passe por elevação, achou o camisa 9 que com muita categoria driblou o goleiro e guardou. BOTAFOGO 1 a 0 Fluminense.

O Botafogo não teve tempo para comemorar, literalmente, pois o árbitro reiniciou o jogo enquanto os atletas alvinegros ainda comemoravam. Como resultado, na sequência do lance estranho, o Fluminense conseguiu empatar com Ruan. Entusiasmado, o Flu foi para frente e conseguiu virar o jogo aos 40 com um belo gol.

Sem perder tempo também, Rickson tratou de mostrar quem manda no Nilton santos. o meia dominou na entrada da área, ajeitou o corpo e bateu colocado no cantinho direito. Sem chances. 2 a 2 no plcara, com os 4 gols em 6 minutos.

No intervalo, a equipe alvinegra ouviu os conselhos de Felipe Conceição e voltou ao gramado atenta aos perigos adversários. Logo aos 10 minutos, Luís Henrique, com seu faro de gol impressionante, mostrou à todos o porquê é artilheiro. O jovem recebeu na entrada da área e bateu firme com curva tirando qualquer possibilidade de defesa. Belo gol. Botafogo outra vez na frente. 3 x 2 no marcador.

Após isso, Diego fez duas boas interceptações e evitou que o time visitante chegasse novamente ao empate. Até que, aos 30, a estrela do cara da noite brilhou mais uma vez. Luís Henrique recebeu em velocidade, saiu cara a cara com o arqueiro e com muita frieza colocou a bola lá dentro. Quanto do Fogão. hat-trick de Luís. BOTAFOGO 4 a 2 Fluminense.

Com a vantagem bem construída, a equipe alvinegra acabou relaxando, já o time das Laranjeiras foi para o tudo ou nada e em dois lances bobos, o Glorioso. acabou sofrendo o empate já no final da partida. Tudo igual. 4 a 4.

Não houve tempo para mais nada. Apito final. O Fogão Sub-17 vai escrevendo história. O Botafogo nunca tinha chegado tão longe na competição e esses meninos estão provando que o time tem força de almejar coisas maiores. Parabéns, meninada!

Botafogo: Diego; Lucas César, Luca, Zyan e Jordan(Mateus Jorge); Matheus Fernandes, Rickson, Fernando(Amilcar) e Ion; Rodrigo(Wenderson) e Luís Henrique.
Técnico: Felipe Conceição  

CONFIRA AS FOTOS DA PARTIDA NAS IMAGENS DE VITOR SILVA/SS PRESS:



Fabio de Paula