Fortaleza 0 x 0 Botafogo

Arbitragem não marca pênalti em Bruno Nazário e Fogão empata fora de casa

Atualizado em 16-08-2020 às 21:27

O Botafogo foi a Fortaleza e voltou com mais um ponto. Poderia ser melhor, mas a arbitragem não marcou pênalti claro sobre Bruno Nazário no primeiro tempo. Após o empate em 0 a 0 com o Fortaleza, na Arena Castelão, o time alvinegro chegou a dois pontos no Campeonato Brasileiro.

O próximo adversário é o Atlético-MG, quarta-feira, às 21h30, no Estádio Nilton Santos.

O JOGO

No primeiro tempo se viu uma partida aberta, com chances para os dois lados, mas pouca pontaria. De um lado Edson Varius, Oswaldo e Quintero mandaram para fora, do outro Matheus Babi e Caio Alexandre erraram o alvo.

Aos 23 minutos, Victor Luis arriscou de longe e Felipe Alves espalmou para escanteio. Kanu e Luis Henrique também obrigaram o goleiro a trabalhar. O lance capital, que poderia mudar o jogo, aconteceu no fim do primeiro tempo. Bruno Nazário foi claramente derrubado na área quando ficaria livre com a bola, mas a arbitragem não marcou pênalti.

Na etapa final, o jogo voltou mais estudado. Babi fez Felipe Alves trabalhar, Gatito apareceu ao defender cabeçada de David.

O Botafogo teve boas chances em contra-ataques. Aos 24, Bruno Nazário deu bom passe, Matheus Babi bateu cruzado e Quinteros cortou. Aos 28, Luiz Fernando cruzou forte e Guilherme Santos cabeceou para fora.

Já o Fortaleza chegou a marcar com Romarinho, mas havia impedimento no lance. Aos 47, Wellington Paulista teve sobra na área e mandou por cima. Na última oportunidade da partida, Victor Luis cruzou na área e Marcelo Benevenuto cabeceou para fora. Ficou mesmo 0 a 0.

BOTAFOGO: Gatito, Barrandeguy, Marcelo Benevenuto, Kanu e Victor Luis; Caio Alexandre (Luiz Fernando), Honda (Luiz Otávio) e Bruno Nazário; Luis Henrique (Rhuan), Matheus Babi e Guilherme Santos. Técnico: Paulo Autuori.

Danilo Santos


Norsk Digital