Taça Gerson e Didi

Em amistoso, Botafogo perde pênalti e é derrotado por 1 a 0 pelo Fluminense

Atualizado em 25-07-2020 às 19:00

O Botafogo criou chances, desperdiçou pênalti, mas perdeu por 1 a 0 para o Fluminense, neste sábado, em amistoso válido pela Taça Gerson e Didi, no Estádio Nilton Santos. O gol foi marcado por Michel Araújo.

No próximo sábado, as equipes voltam a se enfrentar no Estádio Nilton Santos.

TAÇA GERSON E DIDI

Por celebrar seu aniversário essa semana, o Fluminense levará a Taça Gerson e Didi ao final da primeira partida. No segundo confronto, dia 01/08, o Botafogo ficará com o troféu. O rodízio seguirá nas partidas do Campeonato Brasileiro marcadas para os dias 03/10 (Fluminense) e 23/01 (Botafogo). Ao final dos quatro jogos, o clube que fizer maior números de pontos ficará de vez com a Taça Gerson e Didi. Os critérios de desempate serão saldo de gols, seguido do maior número de gols marcados.

O JOGO

O primeiro tempo teve equilíbrio, um momento de leve domínio do Fluminense e as melhores chances para o Botafogo. O time tricolor começou melhor e assustou com Marcos Paulo e Yago, ambos por cima.

Mas o lance mais bonito veio aos 16 minutos, quando Bruno Nazário recebeu cruzamento de Guilherme Santos, matou no peito, deu um lençol em Egídio e finalizou de voleio no travessão. Era um gol para merecer placar.

Já aos 33, Barrandeguy teve sobra na área, cortou para a esquerda e bateu para fora. Pedro Raul tentou uma de cabeça, também sem sucesso.

Na etapa final, novamente o Botafogo teve grandes oportunidades. Aos 16, Guilherme Santos recebeu na frente e tocou na saída de Muriel, porém Calegari salvou quase em cima da linha.

Aos 25, Honda invadiu a área driblando e, quando ia finalizar, levou um carrinho por trás de Hudson. Pênalti para o Botafogo. Na cobrança, Pedro Raul pegou embaixo demais e mandou por cima.

O Botafogo era melhor no jogo, mas acabou castigado. Em sobra na entrada da área, Michel Araújo bateu no canto e abriu o placar, aos 28.

A tentativa de reação veio na bola parada, mas Barrandeguy cobrou duas faltas com perigo e Cícero uma. Semana que vem tem mais amistoso.

GALERIA DE FOTOS (Vitor Silva / Botafogo)

Botafogo x Fluminense - 25/07/2020

BOTAFOGO: Gatito Fernández (Diego Cavalieri), Barrandeguy, Marcelo Benevenuto, Kanu e Danilo Barcelos (Luiz Otávio); Caio Alexandre (Cícero), Honda, Bruno Nazário, Luiz Fernando (Lecaros) e Guilherme Santos; Pedro Raul (Matheus Babi). Técnico: Paulo Autuori.

Danilo Santos

 


Norsk Digital